Pular para o conteúdo principal

Oba, sorteio!

O blog Adriana Balreira está promovendo o sorteio do livro Tinta do autor Fernando Trías de Bes, espanhol, da Editora Autêntica que disponibilizou um livro para ser sorteado entre os seguidores.  "No Goodreads (um rede social dedicada a livros) a classificação desse livro Tinta foi de 3,7 estrelas que vai até no máximo 5." Achei interessante e resolvi participar através do "escola", caso seja a felizarda vou sortear na nossa turma. Copiei a sinopse publicada no blog da Adriana, vejam se não dá vontade de ler.
Sinopse: O espanhol Fernando Trías de Bes conta a história de um livreiro, um matemático, um impressor, um revisor e um editor, na Mogúncia de 1900, que sofrem do mesmo mal: sentem-se angustiados e não sabem qual é o motivo de seu desatino; veem a vida com desencanto e insatisfação e estão a ponto de desistir de encontrar uma solução. Mas o destino faz com que cada um deles dê sua contribuição para que todos encontrem um motivo para seguir adiante. 

Tinta é um livro insólito e inesquecível, que se move entre o real e o imaginário. De narrativa aparentemente simples, na verdade esconde uma trama complexa, conduzida por personagens extremamente originais que nos mostram o poder que a literatura e a imaginação têm de transformar vidas. Tinta é uma homenagem original ao universo das palavras e ao livro impresso; uma pequena joia, uma história que se lê com o coração e que nos captura do começo ao fim.

Comentários

  1. Sonia obrigada pela visita lá no blog, muito bom o seu blog é uma iniciativa a educação dos adultos,Sonia te seguindo também, te desejo uma linda semana, beijos.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Gostou do que leu? Comente, seu comentário vai nos deixar muito felizes.

Postagens mais visitadas deste blog

Comemorar ou celebrar?

Encontrei na agenda da FAMES 2007 um texto muito interessante de autoria de Floriano Serra (Consultor de RH especializado em comportamento humano) que diferencia COMEMORAÇÃO de CELEBRAÇÃO.Vou reproduzir alguns trechos do artigo para suscitar uma reflexão.
"Comemorar e celebrar são a mesma coisa?...
...Comemoração, por exemplo, é interpretada e realizada como festa. Comemoram-se aniversários de nascimento, de casamento, de fundação, prêmios obtidos e momentos especiais...
...Em princípio, a celebração teria mais ou menos o mesmo sentido da comemoração mas hoje, no jargão organizacional, celebrar passa a ter um significado mais profundo, mais interativo, menos "festeiro"...
...Celebrar é compartilhar alegrias e vitórias , sem bandas e fanfarras.Celebra-se de modo discreto,quase silencioso,mas nem por isso menos intenso e verdadeiro.Para serem celebradas não precisam ser grandes alegrias e vitórias - até porque estas não têm tamanho ,peso nem altura. Ou são ou não são. Se são,…

Proteja o seu balão.

Na última quinta feira, tivemos uma aula extra de Gestão das Relações Humanas. O Prof. João Carlos nos surpreendeu com uma dinâmica que nos levou a encher balões, segurar um palito, fazer um círculo e jogando os balões para cima, mantê - los no ar, protejendo - os dos demais colegas. Passados alguns minutos, o professor nos instigou a atacar os demais balões com o intuito de afastar o "perigo" que eles significavam para o nosso balão. A partir daí foi um ataque geral, partimos com nossa "arma" para cima dos balões alheios e, um após outro, foram todos estourados.Feito isto, sentamo - nos e fizemos uma análise do nosso comportamento. Chegamos à conclusão de que demoramos para "agredir nossos adversários" porque, na realidade, não há competição entre nós, não nos vemos como adversários e, sim, como amigos, colegas. Em turmas de alunos mais jovens, segundo o professor, a iniciativa de furar o balão alheio, com o intuito de proteger o seu, é quase imediata.
Po…

VACINAÇÃO CONTRA A GRIPE

. Queremos atingir a meta de  100% de vacinação na  Escola para Adultos. E quiçás  entre os blogueiros  que nos acompanham.
Saiba mais:

27/04/2016 16h44- Atualizado em27/04/2016 16h44
Saúde inicia sábado vacinação contra gripe; meta é imunizar 49,8 milhões Campanha vai até o dia 20 de maio e não deve ser prorrogada, diz ministro.
Vacina trivalente protege contra H1N1, H3N2 e uma cepa da Influenza B. Gabriel LuizDo G1 DF
FACEBOOK